Venda de maconha vai financiar reparação histórica pela escravidão em Illinois (EUA)

negros escravos Venda de maconha vai financiar reparação histórica pela escravidão em Illinois (EUA)

A meta é destinar até 10 milhões de dólares do imposto sobre as vendas de maconha a reparações durante a próxima década

Uma comunidade no subúrbio de Chicago, em Illinois, se torna a primeira cidade dos Estados Unidos a ter um programa de reparação histórica para moradores negros, após aprovação no conselho local, que visa enfrentar o legado da escravidão. No final da noite de segunda-feira (22), vereadores da cidade de Evanston votaram para aprovar o Programa de Reparações Locais de Habitação Restaurativa, um programa de subsídios à habitação no valor de 400.000 dólares.

Leia mais – Baseado em fatos raciais: doc. da Netflix aborda legalização da maconha e reparação racial

site sb Venda de maconha vai financiar reparação histórica pela escravidão em Illinois (EUA)

O conselho da cidade de Evanston votou 8-1 para distribuir US$ 25.000, equivalente a 138 mil reais, para cada uma das 16 famílias negras elegíveis para utilização em reparos domésticos ou como adiantamentos em propriedades, segundo informou a BBC. Para serem elegíveis, os residentes devem ser uma pessoa negra que viveu em Evanston entre 1919 e 1969, ou um descendente de tal pessoa. A família deve também ter sido vítima de discriminação na habitação devido a políticas ou práticas na cidade durante esse período.

Leia mais: Os negros não são maioria no tráfico, é a guerra às drogas que só ocorre nas favelas

Concebido para abordar a desigualdade e o impacto contínuo da escravatura nos afro-americanos da cidade, o programa de reparações de Evanston será financiado com impostos sobre as vendas de maconha para uso adulto. A meta deste plano é que até 10 milhões de dólares do imposto sobre as vendas de cannabis sejam destinados a reparações durante a próxima década. Liderado pelo vereador Rue Simmons, o programa foi desenvolvido juntamente com a comissão de equidade e capacitação da cidade em 2019. Acredita-se ser o primeiro programa de reparações com financiamento garantido.

Leia também:

Marijuana: como o racismo e a xenofobia moldaram a história da guerra às drogas nos EUA

#PraCegoVer: fotografia de uma família de pessoas negras próximo à entrada de uma casa de madeira, enquanto crianças brincam sentadas em círculo no chão, tirada em 1865, por J. A. Palmer, na Carolina do sul, EUA. Imagem: Okinawa Soba | Flickr.

Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!