Usar o termo ‘cannabis’ em vez de ‘maconha’ não muda as percepções do público, diz estudo

flor folhas Usar o termo cannabis em vez de maconha não muda as percepções do público, diz estudo

Estudo recente realizado nos EUA investigou as respostas sociais às palavras “cannabis” e “maconha” e descobriu que a escolha do termo não influencia a percepção do público sobre a planta. Com informações do Ganjapreneur

O uso do termo ‘cannabis’ em vez de ‘maconha’ não influencia a percepção ou atitude do público em relação à planta, de acordo com pesquisa publicada na revista PLOS One. O estudo encontrou diferenças de percepção quando a palavra ‘medicinal’ é usada em conjunto com ‘maconha’ ou ‘cannabis’.

Cerca de 43% dos entrevistados disseram que ‘maconha’ e ‘cannabis’ são “moralmente aceitáveis”, em comparação com cerca de 26% que disseram que ‘maconha’ é ‘moralmente errado’ e cerca de 20% que sentem o mesmo sobre ‘cannabis’. Os demais entrevistados disseram que “não tinham certeza”.

Comparativamente, quase 60% dos participantes disseram que ‘maconha medicinal’ é “moralmente aceitável”, além de cerca de 63% que sentiram o mesmo sobre cannabis medicinal’. Cerca de 15% disseram que “maconha medicinal” é “moralmente errado” e cerca de 12% disseram que “cannabis medicinal” é “moralmente errado”, o resto dos respondentes “não tinha certeza”.

Leia: Quase dois terços dos norte-americanos acham que fumar maconha é moralmente aceitável

“A estrutura do nome (‘maconha’ versus ‘cannabis’) não tem impacto na opinião sobre a droga. Nossos resultados, portanto, minam a noção – amplamente adotada pelos defensores das políticas – de que abandonar a palavra ‘maconha’ por ‘cannabis’ por si só aumentará as perspectivas de reforma ou suavizará as atitudes do público em relação à droga.” – “A palavra ‘M’ foi emoldurada? Maconha, cannabis e opinião pública”, 31 de outubro de 2019, PLOS One

Os pesquisadores observam um aumento nas notícias usando a palavra ‘cannabis’ desde 2013 – que coincide com um aumento nas histórias com ‘maconha’ para mais de 25.000 até 2014 – e uma queda acentuada ao longo de três anos nas histórias que usam ‘maconha’ para um pouco mais de 20.000, enquanto as histórias de ‘cannabis’ aumentaram de cerca de 3.000 em 2014 para cerca de 6.000 em 2017.

O estudo também descobriu que 23 dos 33 estados dos EUA com alguma forma de acesso legal à cannabis estão usando ‘maconha’ em sua legislação sobre ‘cannabis’.

Tradução: Joel Rodrigues | Smoke Buddies.

Leia também:

Nos EUA, 66% dos cidadãos apoiam a legalização da maconha desde o ano passado

#PraCegoVer: fotografia (de capa) em plano fechado que mostra uma linda flor de maconha com pistilos marrons (no quadrante inferior direito) e diversas folhas da planta, no primeiro plano e plano do meio, com um fundo branco. Foto: Martin Vorel | Libreshot.

lazy placeholder Usar o termo cannabis em vez de maconha não muda as percepções do público, diz estudo

Sobre Smoke Buddies

O Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. https://www.smokebuddies.com.br
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!

Deixe seu comentário