Uruguai busca investidores para aumentar exportações de maconha medicinal

lata sardinha buds Uruguai busca investidores para aumentar exportações de maconha medicinal

Segundo consultor agrícola, negócio pode render US$ 1 bilhão ao país em uma década; governo avalia permitir que turistas comprem maconha. As informações são da Bloomberg, via O Globo

O presidente do Uruguai, Luis Lacalle Pou, emitiu uma série de decretos para acelerar os embarques de maconha medicinal e cânhamo para os mercados mundiais como forma de impulsionar a indústria e criar empregos, segundo um alto funcionário do governo.

Embora o Uruguai tenha sido o primeiro país a legalizar a maconha em 2013, a maior parte do investimento foi para os EUA e Canadá. Enquanto isso, o Uruguai tem lutado para aumentar as exportações em meio a um longo processo de licenciamento.

lazy placeholder Uruguai busca investidores para aumentar exportações de maconha medicinal

— São inúmeras as empresas que vêm conversar com a Presidência da República e transmitir sua preocupação por uma situação que se desenrola há pelo menos três anos e que não tem solução — disse Rodrigo Ferres, assistente da Presidência da República, em uma entrevista coletiva na quinta-feira.

Os decretos se aplicam à cannabis e ao cânhamo colhidos desde 2018, disse ele.

Atualmente, as empresas têm cerca de 100 toneladas de flores de cânhamo com alto teor de canabidiol, ou CBD, para exportação ou processamento local. Essas flores são usadas em produtos de bem-estar modernos e não contêm as propriedades psicoativas da maconha.

Produtores como Fotmer Corporation SA e Cannabis Uruguay Ltda exportaram mais de 3,5 toneladas de flores com alto teor de CBD ou THC, o ingrediente ativo da maconha, desde o final de 2019, segundo dados compilados pela agência reguladora Ircca (Instituto Nacional de Regulação e Controle da Cannabis).

A Ircca e o Ministério da Agricultura aprovaram investimentos em maconha de pouco mais de US$ 60 milhões em 78 projetos, e há outros US$ 53,5 milhões em projetos que buscam licenças. O governo vai rever as regulamentações para atrair investimentos em áreas de alto valor, como laboratórios, disse Ferres.

Leia mais: Uruguai envia meia tonelada de flores de cânhamo para a Suíça via Alemanha

Turismo de cannabis

O governo também está examinando se permitirá que estrangeiros comprem maconha legalmente, uma medida que pode impulsionar o turismo e minar o mercado clandestino, disse Daniel Radío, presidente da Ircca.

Atualmente, apenas cidadãos e residentes permanentes podem obter legalmente maconha. Ela é disponibilizada por clubes de maconha, produtores domésticos e por algumas farmácias para aqueles que se cadastram em um banco de dados do governo. O Congresso teria que aprovar a venda de maconha a estrangeiros se o governo decidir que quer promover o turismo de maconha, disse Radío em entrevista a seu gabinete.

O Uruguai está lutando para fornecer maconha recreativa suficiente para as mais de 41.500 pessoas que se inscreveram para comprá-la em farmácias. A escassez deve diminuir no próximo ano, depois que o Ircca aumentou o número de produtores licenciados de dois para cinco, disse Radío.

Leia: Venda de cannabis para turistas deveria ser legal no Uruguai, defende ministro

Histórico

A maconha não é a primeira grande indústria que o Uruguai criou praticamente do zero. Os incentivos fiscais e regulamentações favoráveis na década de 1980 levaram a bilhões de dólares em investimentos em fazendas de árvores, voltadas para a produção de madeira, e fábricas de celulose. Essa indústria exportou US$ 1,9 bilhão em 2019.

Eduardo Blasina, diretor da Cannabis Uruguai que também dirige uma empresa de consultoria agrícola, prevê que a maconha se tornará um negócio de US$ 1 bilhão no Uruguai em uma década. Atualmente, a indústria fatura apenas uma pequena fração desse valor.

Não se trata apenas de exportar o produto, mas também de desenvolver todos os tipos de negócios relacionados à maconha que farão as pessoas virem ao Uruguai — disse ele em entrevista por telefone.

Leia também:

Maconha legal no Uruguai: mudanças miram flexibilidade no registro para cultivo e dispensários

#PraCegoVer: em destaque, fotografia de uma lata de sardinha, na horizontal, com a tampa encaixada diagonalmente atrás de uma porção de buds de maconha que estão em seu interior, sobre uma superfície de cor salmão que se torna infinita com o fundo. Imagem: THCameraphoto.

lazy placeholder Uruguai busca investidores para aumentar exportações de maconha medicinal

Sobre Smoke Buddies

A Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. https://www.smokebuddies.com.br
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!