Se maconha te deixa extremamente nauseado, você não é o único

maconha Se maconha te deixa extremamente nauseado, você não é o único
Newsletter Open Green

Médicos estão vendo um aumento no número de casos de Síndrome de Hiperemese por Canabinoide (SHC), cujos sintomas, ironicamente, muitas vezes são tratados com maconha. As informações são da Vice

Em 2016, me tornei doadora de óvulos. Depois do tratamento hormonal e da retirada do óvulo, comecei a experimentar surtos incomuns de náusea. Não pensei muito nisso no começo, achando que era alguma coisa provocada pelas mudanças hormonais pelas quais meu corpo estava passando. Também descobri que cannabis, que eu usava normalmente para tratar insônia, dava um alívio temporário para a sensação de enjoo.

Mas conforme o tempo foi passando, as rodadas de náusea foram ficando mais prolongadas e severas. O cheiro e visão de comida me repelia. Eu não conseguia comer, às vezes por dias, e comecei a perder muito peso. Marquei uma consulta com um gastroenterologista para ver se conseguia descobrir o que estava acontecendo.

lazy placeholder Se maconha te deixa extremamente nauseado, você não é o único

Notei que quanto mais eu usava cannabis para tratar minha náusea, mais enjoada eu me sentia durante as horas que não estava fumando. Parecia contraintuitivo que a cannabis pudesse ter um papel na náusea, já que a droga muitas vezes é recomendada para aliviar esse sintoma, mas achei que tinha que contar para o médico que estava fumando regularmente.

Leia também: Vape de maconha mata?

Para minha surpresa, ele disse que estados dos EUA que tinham legalizado a maconha medicinal ou recreativa, levando a um aumento do uso de cannabis, também tinham visto um aumento significativo de uma condição conhecida como Síndrome de Hiperemese por Canabinoide (SHC). Eu estava experimentando náusea prolongada durante o dia – um sintoma comum de SHC. Como eu fumava cannabis regularmente, o médico acreditava que minha condição estava, na verdade, ligada ao uso de cannabis. Vários exames que fiz deram normal, indicando que ele provavelmente estava certo.

SHC é uma condição confusa ocorrendo com usuários de cannabis de longa data. Sintomas comuns incluem náusea extrema, vômito intratável e dor abdominal. Muitos pacientes relatam encontrar alívio tomando banhos quentes. É uma doença incomum dado que cannabis medicinal muitas vezes é usada para tratar náusea em pacientes com câncer, por exemplo. Mas acontece que enquanto a cannabis muitas vezes é eficaz contra náuseas e vômito, ela também pode desencadear esses sintomas.

Os sintomas da SHC às vezes levam anos para surgir. A primeira ação para usuários de cannabis sofrendo de náusea severa e/ou vômito incontrolável deve ser parar com o uso e ver se os sintomas passam em 2 a 3 dias. Fui aconselhada a fazer isso e, em dois dias, voltei completamente ao normal.

A causa da SHC é desconhecida. Como a cannabis tem propriedades químicas complexas, é difícil apontar o que leva a essa síndrome aparentemente paradoxal. Algumas pesquisas focam nos receptores do corpo afetados pelo uso da cannabis. Acredita-se que uso pesado e frequente desregule receptores, causando os sintomas da SHC. Mas uso de cannabis é comum há séculos em países como a Índia, e sintomas de SHC só começaram a ser registrados nas últimas décadas. Além disso, não há relatos de SHC de usuários em algumas regiões, como o Sul da Ásia, pelo menos não na mesma extensão que o visto nos EUA. Isso levou alguns médicos a serem céticos com a ideia de que a cannabis em si é o problema, teorizando que aditivos podem ser a real causa. Mas no caso da Ásia, a falta de relatos também pode ser devido ao fato que a maconha continua estritamente ilegal em muitos dos maiores países da região, mesmo enquanto ganha aceitação no Ocidente.

No meu caso, meu especialista em fertilidade acreditava que a SHC estava diretamente ligada com as mudanças nos meus receptores causadas pelos hormônios que eu estava tomando. Eu ia me submeter a uma segunda rodada de doação de óvulos, e ele achava que era possível que meus receptores voltassem ao normal depois disso. E sim, depois do segundo procedimento, não experimentei mais os sintomas de SHC quando usava cannabis.

Cannabis medicinal: Veja o que muda com as novas regras da Anvisa

O uso de cannabis está aumentando nos EUA enquanto estados não só legalizam o uso recreativo, mas a droga também é cada vez mais vista como um tratamento alternativo eficaz para muitos farmacêuticos usados normalmente, incluindo opiáceos. Hospitais por todo o país já estão vendo mais e mais casos de SHC em estados onda a maconha é legal.

Cannabis era ilegal no meu estado na época, então fiquei hesitante em contar pro médico que estava usando a droga. E, por causa da minha situação única, teria sido fácil culpar os tratamentos hormonais pelos sintomas, especialmente considerando que a cannabis fornecia um alívio temporário. Mas se não tivesse sido transparente com ele, eu continuaria com as náuseas. Seja honesto com seu médico sobre uso regular de cannabis e exibir esses sintomas. Também saiba que muitos médicos podem ainda não conhecer a SHC, e você pode ter que mencionar a possibilidade para eles. Mas a condição não deve ficar fora do radar por muito tempo. Enquanto a cannabis continua a se tornar mais aceitável e acessível pelos EUA, teremos que começar a trabalhar para desenvolver um entendimento melhor do que causa a SHC e como evitá-la.

Leia mais:

A maconha e os banhos quentes

#PraCegoVer: a ilustração de capa mostra, em fundo verde-água, o desenho de um homem com as duas mãos sobre a boca, em gesto e expressão facial que indicam a sensação de náusea. Imagem: Daily CBD.

lazy placeholder Se maconha te deixa extremamente nauseado, você não é o único

Sobre Smoke Buddies

A Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. https://www.smokebuddies.com.br
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!