Resultados positivos para maconha em testes de drogas de emprego batem recorde nos EUA

baseados buds frasco Resultados positivos para maconha em testes de drogas de emprego batem recorde nos EUA

Ao passo que mais estados americanos legalizam a cannabis, a planta se tornou mais amplamente utilizada; alguns empregadores estão pulando ou ignorando os testes para a maconha, com o intuito de garantir mais candidatos a empregos. As informações são do Insider

Mais trabalhadores estadunidenses do que nunca estão testando positivo para uso de cannabis em testes de drogas, de acordo com um relatório da Quest Diagnostics, um dos maiores laboratórios de testagem de drogas do país.

O relatório de 2020 da Quest mostrou os resultados de mais de 7 milhões de testes de drogas e descobriu que 2,7% deram positivo para maconha. Em 2019, 2,5% dos testes da Quest foram positivos para a erva, e em 2016 2% foram positivos, relatou o Wall Street Journal.

site sb Resultados positivos para maconha em testes de drogas de emprego batem recorde nos EUA

À medida que mais estados legalizam a cannabis para fins medicinais e adultos, a substância se tornou mais amplamente utilizada. Como resultado, alguns empregadores estão pulando completamente os testes de drogas para a maconha, ou deixando um resultado positivo para a cannabis deslizar, a fim de garantir mais candidatos a empregos.

Leia mais: Work’n’bong: maconha ajuda ou atrapalha a produtividade no trabalho?

 Resultados positivos para maconha em testes de drogas de emprego batem recorde nos EUA

“Não vimos realmente uma mudança na taxa geral de testes, mas temos visto mudanças no grau em que a maconha é incluída nos painéis de testes”, disse Dr. Barry Sample, diretor sênior de ciência e tecnologia da Quest Diagnostics, ao Wall Street Journal.

Os empregos que exigem medidas de segurança extensas, como condução de caminhões, transporte de massa e ferrovias, são obrigados a testar seus funcionários, seja durante o processo de entrevista, aleatoriamente durante a permanência do trabalhador no quadro de funcionários ou após incidentes suspeitos.

Mas para restaurantes e outros trabalhadores do setor de serviços, um teste positivo de cannabis não significa necessariamente que eles serão excluídos de uma oportunidade de trabalho.

Leia mais: Uso de cannabis após expediente não tem impacto no desempenho do trabalho, diz estudo

Em 2015, quando o Hospitality Ventures Management Group decidiu abrir um novo hotel em Denver, Colorado, onde a cannabis para uso adulto é legal, os executivos da empresa decidiram pular os testes de cannabis para os candidatos.

“Fazia parte da natureza prática de querer ser um empregador atraente naquele mercado do centro de Denver”, disse Susan M. Sanders, diretora de recursos humanos da empresa, ao Wall Street Journal sobre a decisão da empresa.

6,3% dos trabalhadores do setor de hospitalidade testaram positivo para cannabis em 2020, descobriu a Quest Diagnostics.

Sanders acrescentou que a cannabis pode ser “parte do que as pessoas fazem quando não estão trabalhando, o que não vai ser transportado para o dia de trabalho”.

Veja também:

Taxistas de Nova York não serão mais submetidos a testes para maconha

#PraCegoVer: fotografia mostra quatro baseados apertados, além de uma seda aberta com erva triturada, entre uma porção de buds de maconha secos, uma folha, um frasco âmbar de tampa preta e um dichavador contendo cannabis, e, ao fundo, a boca de um pote de vidro deitado que encerra mais infrutescências da planta, em uma superfície cinza-chumbo lisa. Foto: jcomp | Freepik.

smokebuddies logo2 Resultados positivos para maconha em testes de drogas de emprego batem recorde nos EUA

Sobre Smoke Buddies

A Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. https://www.smokebuddies.com.br
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!