Peptídeo permite que THC alivie a dor sem efeitos colaterais em teste com ratos

mao luva estante laboratorio Peptídeo permite que THC alivie a dor sem efeitos colaterais em teste com ratos

Cientistas espanhóis desenvolveram um peptídeo capaz de preservar a memória de camundongos tratados com THC e, ao mesmo tempo, permitir que o canabinoide atue no alívio da dor. As informações são da Sociedade Americana de Química

Muitas pessoas vivem com dores crônicas e, em alguns casos, a cannabis pode fornecer alívio. Mas a droga também pode afetar significativamente a memória e outras funções cognitivas. Agora, pesquisadores relataram no Journal of Medicinal Chemistry, da Sociedade Americana de Química, sobre o desenvolvimento de um peptídeo que, em camundongos, permitiu que o ∆9-tetraidrocanabinol (THC), o principal componente da Cannabis sativa, combatesse a dor sem os efeitos colaterais.

Leia mais: Descoberta molécula capaz de bloquear efeitos colaterais de medicamentos à base de THC

site sb Peptídeo permite que THC alivie a dor sem efeitos colaterais em teste com ratos

De acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, cerca de 20% dos adultos nos EUA experienciou dor crônica em 2019. Os opioides, a base para o controle da dor intensa, são eficazes, mas os pacientes podem facilmente se tornar dependentes deles. Em alguns estudos, a maconha medicinal tem sido útil no alívio da dor de enxaquecas, neuropatia, câncer e outras condições, mas os efeitos colaterais apresentam obstáculos para o uso terapêutico generalizado. Anteriormente, os pesquisadores identificaram dois peptídeos que interrompem a interação entre um receptor que é o alvo do THC e outro receptor que se liga à serotonina, um neurotransmissor que regula o aprendizado, a memória e outras funções cognitivas. Quando os pesquisadores injetaram os peptídeos no cérebro dos ratos, eles tiveram menos problemas de memória causados ​​pelo THC. Agora, esta equipe, liderada por Rafael Maldonado, David Andreu e colegas, queria melhorar esses peptídeos para torná-los menores, mais estáveis, oralmente ativos e capazes de cruzar a barreira hematoencefálica.

Leia: THC em certos níveis é eficaz na redução da dor na neuropatia diabética, diz estudo

 Peptídeo permite que THC alivie a dor sem efeitos colaterais em teste com ratos

Com base em dados de simulações de dinâmica molecular, os pesquisadores projetaram dois peptídeos que tinham menos da metade do comprimento dos originais, mas preservaram sua ligação ao receptor e outras funções. Eles também otimizaram as sequências de peptídeos para melhorar a entrada, estabilidade e capacidade de atravessar a barreira hematoencefálica nas células. Em seguida, os pesquisadores deram o peptídeo mais promissor aos ratos por via oral, junto com uma injeção de THC, e testaram o limiar de dor e a memória dos ratos. Os camundongos tratados com THC e o peptídeo otimizado colheram os benefícios de alívio da dor do THC e também mostraram melhora na memória em comparação com os camundongos tratados apenas com THC. É importante ressaltar que vários tratamentos com o peptídeo não evocaram uma resposta imune.

As descobertas sugerem que o peptídeo otimizado é um candidato a droga ideal para reduzir os efeitos colaterais cognitivos do controle da dor à base de cannabis, dizem os pesquisadores.

Os autores agradecem o financiamento de Rhodes PharmaceuticalsMarie Skłodowska-Curie Research and Innovation Staff Exchange, o Ministério de Ciência e Inovação da Espanha e a La Caixa Foundation.

A Sociedade Americana de Química (ACS) é uma organização sem fins lucrativos licenciada pelo Congresso dos EUA. A missão da ACS é promover o empreendimento químico mais amplo e seus profissionais para o benefício da Terra e de todo o seu povo. A Sociedade é líder global na promoção da excelência no ensino de ciências e no fornecimento de acesso a informações e pesquisas relacionadas à química por meio de suas várias soluções de pesquisa, periódicos revisados ​​por pares, conferências científicas, e-books e o periódico de notícias semanal Chemical & Engineering News. Os periódicos da ACS estão entre os mais citados, mais confiáveis ​​e mais lidos na literatura científica.

Leia também:

Pacientes com dor crônica apresentam melhora sustentada com uso de cannabis

#PraCegoVer: foto que mostra uma mão com luva descartável branca manuseando uma estante flutuante de microtubos transparente junto a um equipamento de laboratório. Imagem: Kinga Lubowiecka / EMBL.

smokebuddies logo2 Peptídeo permite que THC alivie a dor sem efeitos colaterais em teste com ratos

Sobre Smoke Buddies

A Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. https://www.smokebuddies.com.br
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!