Nova York: Cuomo traça plano de legalização da maconha que prevê US$ 300 mi em receitas

andrew cuomo mesa Nova York: Cuomo traça plano de legalização da maconha que prevê US$ 300 mi em receitas

A legalização pode gerar 60 mil empregos e US$ 3,5 bilhões em atividades econômicas no estado, disse o governador. As informações são da FOX Business

O governador de Nova York, Andrew Cuomo, delineou seu plano para legalizar a maconha para uso social adulto em seu discurso anual (State of the State) de 2021 na segunda-feira, dizendo que a indústria acabará gerando 60.000 novos empregos, US$ 3,5 bilhões em atividade econômica e US$ 300 milhões em receita tributária.

De acordo com a proposta de Cuomo, um Escritório de Gerenciamento de Cannabis estabelecerá padrões para a indústria “limitando a venda de produtos de cannabis para adultos com 21 anos ou mais e estabelecendo controles de qualidade e segurança rigorosos, incluindo regulamentação estrita da embalagem, rotulagem, publicidade e teste de todos os produtos de cannabis”.

site sb Nova York: Cuomo traça plano de legalização da maconha que prevê US$ 300 mi em receitas

Nova York, que atualmente tem uma indústria limitada de maconha medicinal, se juntaria a 15 estados e a Washington DC, onde a maconha é legal para fins adultos.

Leia mais: Governador de Nova York pede novamente pela legalização da maconha

 Nova York: Cuomo traça plano de legalização da maconha que prevê US$ 300 mi em receitas

Adam Goers, vice-presidente de assuntos corporativos da fornecedora de cannabis medicinal Columbia Care, disse que Nova York tem a vantagem de aprender com os erros que outros estados cometeram.

“Nova York tem a oportunidade de criar uma indústria de cannabis dinâmica, duradoura, vibrante e bem-sucedida”, disse Goers à FOX Business. “E, felizmente para Nova York, eles têm a experiência de tantos estados que vieram antes deles”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O esforço de legalização de Nova York está em andamento há anos, com o estado descriminalizando o porte em 2019 e o Departamento de Saúde se manifestando a favor da legalização em 2018.

Leia: A legalização da maconha pode ajudar na crise financeira da Covid-19, diz governador de NY

Os estados ao redor de Nova York também estão à frente deles, já que Vermont e Massachusetts já têm indústrias legais e Nova Jersey acaba de aprovar a legalização em novembro.

“Se Nova York esperar muito, ou não encorajar as pessoas a se envolverem no mercado imediatamente, com a iminência da normalização federal pela frente, é possível que Nova York perca a oportunidade de realmente investir e garantir que eles tenham uma indústria de cultivo e processamento vibrante e duradoura”, disse Goers.

A pressão pela legalização ganhou impulso com as vitórias de Jon Ossoff e Raphael Warnock nos segundos turnos das eleições para o Senado da Geórgia na semana passada, já que os democratas em breve controlarão a Presidência e as duas câmaras do Congresso.

“Isso é parte de um quadro mais amplo de que todos os estados, mais cedo ou mais tarde, legalizarão a cannabis e, em última análise, o governo federal também o fará”, disse Dennis O’Neill, presidente da Biomedican, uma empresa que sintetiza canabinoides, à FOX Business.

Leia também:

México publica regulamento sobre a maconha medicinal, criando novo mercado

#PraCegoVer: em destaque, fotografia que mostra Andrew Cuomo falando, atrás de uma mesa, e as bandeiras dos EUA e de Nova York arriadas, ao fundo. Imagem: Gabinete do Governador.

smokebuddies logo2 Nova York: Cuomo traça plano de legalização da maconha que prevê US$ 300 mi em receitas

Sobre Smoke Buddies

A Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. https://www.smokebuddies.com.br
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!