Londrina receberá a sua 4ª edição da Marcha da Maconha

junho marcha da maconha pelo pais smoke buddies Londrina receberá a sua 4ª edição da Marcha da Maconha

A Marcha da Maconha de Londrina chega à sua 4ª edição. No dia 22 de julho, a militância canábica irá às ruas londrinenses propagar a informação e pedir pela legalização da erva. As informações são do Bondenews.

A 4ª edição da Marcha da Maconha de Londrina, realizada anualmente, já tem a data deste ano. No dia 22 de julho, um domingo. O evento é organizado desde 2015 pelo Coletivo Marcha da Maconha Londrina.

A manifestação se inicia às 14h20, na escadaria do Zerão. Às 16h20 – horário um tanto quanto sugestivo – , a passeata vai à Concha Acústica, onde haverá troca de informações entre os manifestantes. “A marcha é uma fonte muito interessante de informações, você pode aprender a cultivar a planta, a fazer um remédio com base em Cannabis”, diz a descrição do evento no Facebook.

Até às 16h desta quinta-feira (5), 443 pessoas confirmaram presença na página do evento. Outras 934 estão interessadas. A organização da marcha espera cerca de 400 pessoas na manifestação.

Os principais objetivos da marcha são a legalização e a descriminalização da maconha, como explica Ronaldo Dutra Júnior, membro do coletivo. “Sofremos muita repressão. Tenho amigos que foram presos por causa do cultivo e estão tentando jogar tráfico neles, mas nada era para venda. Somos usuários.”

Ronaldo já tem cinco passagens pela polícia por ser usuário de maconha. “Sou usuário desde os 13 anos. Nunca assinei um tráfico, mas sofro muito com repressão desde os 18 anos”, conta ele.

“Não estamos pensando em lucro algum com a marcha. O objetivo é reunir os usuários. Erva não é só fumar. É um remédio. Muita gente precisa da planta para tratamentos, cura e controle de doenças”, diz Ronaldo.

lazy placeholder Londrina receberá a sua 4ª edição da Marcha da Maconha

#PraCegoVer: ilustração de divulgação da Marcha da Maconha com os textos “Domingo 22 de julho. Londrina 4ª edição. 14:20 – Concentração. Escadaria do Zerão. 16:20 – Saída. Chegada: concha Acústica. R. Piauí, 130 – Centro, Londrina. Cultive a paz. Não compre, plante!” em cor verde escuro sobre um fundo verde claro com folhas da maconha.

Legalmente
A lei 11.343 de 2006 define as penas em relação à maconha. Segundo ela, quem for pego cultivando a planta para uso pessoal, em pequena quantidade, ou sob posse da droga, pode ser punido com advertência sobre os efeitos da droga, prestação de serviços à comunidade e programas educativos. Nos casos de tráfico, as penas podem chegar até a 15 anos de prisão. É interessante lembrar que fumar maconha não é considerado um crime, mas, sim, uma contravenção, por isso possui penas mais brandas do que o tráfico, aí, sim, um crime.

Um dos problemas apontados pelos críticos da lei é a subjetividade com a qual é determinada se o cultivo era destinado a consumo pessoal ou tráfico. A lei diz:

“Para determinar se a droga destinava-se a consumo pessoal, o juiz atenderá à natureza e à quantidade da substância apreendida, ao local e às condições em que se desenvolveu a ação, às circunstâncias sociais e pessoais, bem como à conduta e aos antecedentes do agente.”

Assim, não são necessárias provas de que haja tráfico para que o cultivador seja preso por tráfico. Segundo o Departamento Penitenciário Nacional, no levantamento nacional de informações penitenciárias de junho de 2016, das 726 mil pessoas presas no Brasil, 176 mil foram condenadas ou aguardam julgamento por tráfico de drogas – seja nacional ou internacional – ou associação ao tráfico. Ou seja, uma a cada quatro pessoas são presas no Brasil por tráfico.

Leia também:

Marcha da Maconha de Londrina pede o fim da detenção de usuários

#PraCegoVer: fotografia de capa da fantasia de uma folha de maconha na cabeça de uma pessoa que está de costas entre diversos manifestantes durante a Marcha da Maconha de São Paulo realizada em 2015. Créditos da foto: Fábio Júnior – Flickr.

lazy placeholder Londrina receberá a sua 4ª edição da Marcha da Maconha

Sobre Smoke Buddies

O Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. https://www.smokebuddies.com.br
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!

Deixe seu comentário