Literatura Sativa: Santo Fininho

literatura sativa Literatura Sativa: Santo Fininho

Rápido, potente e rasteiro
Pra relaxar durante o dia
Pra desabar o corpo inteiro
Depois de ler essa poesia

Aquele pouquinho que nos sobra
É suficiente para missão
Depois dessa “selva” que nos cobra
Vou de fino vendo televisão

lazy placeholder Literatura Sativa: Santo Fininho

Para perfumar o ar de casa
Curtindo um jazz com a pretinha
Ou relaxando mesmo sozinho

Deixamos a mente criar asa
Com pernas pro ar e luz baixinha
Que Deus salve o Santo Fininho!

Leia também:

Literatura Sativa: Amigos e Maconha

#PraCegoVer: imagem (em destaque) mostra em close um papel de seda aberto sobre uma superfície vermelha, com um fumo esverdeado posto ao longo do comprimento da folha. Foto: Luiz Michelini.

lazy placeholder Literatura Sativa: Santo Fininho

Sobre Douglas Fortunato

Estudante de Filosofia no Rio de Janeiro, na UERJ, 26 anos e recém chegado na militância da causa canábica.
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!