A legalização da maconha pode ajudar na crise financeira da Covid-19, diz governador de NY

andrew cuomo A legalização da maconha pode ajudar na crise financeira da Covid 19, diz governador de NY

Para Andrew Cuomo, entre os vários motivos para legalizar o uso adulto da planta está a geração de receita e, diante do cenário econômico atual, isso colocará a cannabis no topo. As informações são do Democrat and Chronicle

Nova York poderia legalizar o uso adulto da maconha como uma forma de gerar receita e ajudar com o déficit orçamentário multibilionário e alimentado pelo coronavírus do estado, de acordo com o governador Andrew Cuomo.

Os comentários de Cuomo sobre o futuro da maconha para uso social ocorreram durante um evento virtual realizado em 15 de outubro para promover seu novo livro, American Crisis, que detalha seus esforços durante a pandemia de Covid-19.

lazy placeholder A legalização da maconha pode ajudar na crise financeira da Covid 19, diz governador de NY

O governador democrata foi entrevistado pela personalidade da televisão Bravo e pelo produtor Andy Cohen para telespectadores que pagaram US$ 35 por um livro autografado e o direito de assistir ao evento.

Cohen perguntou a Cuomo: Quando Nova York vai legalizar a maconha?

“Em breve, porque agora precisamos do dinheiro”, disse Cuomo em resposta, de acordo com uma gravação do evento obtida pela USA TODAY Network New York.

“Eu tentei fazer isso nos últimos dois anos”, continuou Cuomo. “Há muitos motivos para fazer isso, mas um dos benefícios é que também traz receita, e todos os estados — mas especialmente este — precisamos de receita e iremos vasculhar os armários em busca de receita. E acho que isso vai colocar a maconha no topo”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cuomo amoleceu com a maconha

Os defensores da maconha e alguns legisladores democratas têm pressionado o estado há anos para permitir o uso adulto da droga em Nova York, seguindo o exemplo de 11 estados que já o fizeram.

Cuomo assumiu o cargo em 2011 como adversário da legalização tanto para fins médicos quanto adultos. Em 2014, ele reverteu sua posição sobre a maconha medicinal e sancionou uma lei que a legaliza.

No final de 2018, Cuomo também reverteu sua posição sobre a maconha para uso social, prometendo pressionar por uma nova lei que legalizasse e taxasse a droga.

Gov. da Pensilvânia pede legalização da maconha para recuperação econômica da Covid-19

Desde então, Cuomo e o Senado e Assembleia liderados pelos democratas têm lutado para chegar a um consenso sobre um sistema estadual para regular a maconha, com Cuomo e legisladores discordando sobre como a receita deve ser gasta.

Os democratas da Assembleia pressionaram para reservar grande parte da receita da maconha para comunidades de cor, que foram acusadas de crimes relacionados às drogas em uma taxa muito mais alta do que as comunidades brancas. Cuomo apresentou uma proposta que daria a seu governo mais controle sobre a receita e como ela é gasta.

A maconha não fecharia o déficit

O escritório de orçamento do governador projetou um déficit orçamentário de US$ 60 bilhões até o ano fiscal de 2024, embora esse número seja baseado em projeções de receita pré-coronavírus desatualizadas de janeiro.

Legalizar a maconha proporcionaria um aumento de receita relativamente pequeno em Nova York, onde o orçamento do estado ultrapassa US$ 175 bilhões por ano.

Leia mais: Impacto econômico da indústria de cannabis nos EUA pode atingir US$ 130 bi até 2024

No ano passado, o gabinete de Cuomo estimou que um programa de maconha para uso adulto geraria US$ 300 milhões por ano na receita do estado quando totalmente implementado, o que, segundo a proposta anterior do governador, levaria bem mais de um ano.

Kevin Sabet, presidente do Smart Approaches to Marijuana, um grupo que defende a manutenção da proibição da maconha para fins sociais, disse que a legalização “não é a bala de prata para orçamentos em dificuldade”.

“Nenhum estado está vendo a legalização da maconha ajudar significativamente seus problemas orçamentários”, disse Sabet. “Isto custaria dinheiro do estado, tanto em custos administrativos quanto em custos relacionados a problemas de direção prejudicada, educação, controle de intoxicação e tratamento”.

Um porta-voz da senadora Liz Krueger, uma democrata de Manhattan que patrocina o Ato de Regulamentação e Tributação da Maconha no Senado, disse que a senadora ficaria “encantada” em trabalhar com Cuomo pela aprovação o projeto.

“Os benefícios para o estado vão muito além de novos empregos e fontes de receita, mas esses são motivos suficientes”, disse Justin Flagg, o porta-voz.

Leia também:

COVID-19: o ponto de virada para a legalização global da cannabis

#PraCegoVer: em destaque, fotografia que mostra Andrew Cuomo, em primeiro plano, tocando um dos elásticos da máscara que está usando e, ao fundo, as bandeiras dos EUA e de Nova York arriadas, com o brasão do estado ao centro. Imagem: Gabinete do Governador.

lazy placeholder A legalização da maconha pode ajudar na crise financeira da Covid 19, diz governador de NY

Sobre Smoke Buddies

A Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. https://www.smokebuddies.com.br
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!