Incêndios florestais devastaram a indústria de cannabis da costa oeste dos EUA

incendio eua Incêndios florestais devastaram a indústria de cannabis da costa oeste dos EUA

De fazendas e propriedades queimadas a plantações contaminadas, os negócios de cannabis na Califórnia e no Oregon estão se preparando para mais uma queda difícil. Com informações do Ganjapreneur

É a temporada de incêndios florestais nos EUA e as empresas de cannabis em toda a Costa Oeste estão sentindo o impacto. De fazendas e propriedades queimadas a plantações potencialmente contaminadas por exposição prolongada à fumaça, calor e retardadores de fogo, os negócios de cannabis na Califórnia e no Oregon estão se preparando para mais uma queda difícil.

Os incêndios florestais, que supostamente ceifaram pelo menos 35 vidas e queimaram milhões de hectares até agora, também geraram camaradagem entre as empresas de cannabis que poderiam ser consideradas concorrentes.

lazy placeholder Incêndios florestais devastaram a indústria de cannabis da costa oeste dos EUA

Leia mais: Negócios de maconha do Oregon (EUA) enfrentam ameaças de incêndios devastadores

Oregon

Em Oregon, cerca de 20% das empresas licenciadas de cannabis do estado receberam ordens de evacuação por que os incêndios foram alimentados por uma tempestade de vento dramática e improvável na semana passada. Os incêndios escureciam o céu com fumaça, que banhava tudo com um brilho vermelho-alaranjado persistente.

Candice Paschal, proprietária/operadora da Paschal Farms, em Molalla, Oregon, disse que sua fazenda foi colocada sob uma ordem de evacuação obrigatória na terça-feira da semana passada, enquanto três incêndios florestais em volta — em Riverside, Santiam e Wilhoit — atingiram a região. Como os bombeiros tornaram-se muito dispersos, no entanto, Paschal disse que um grupo de cerca de 40 moradores de Molalla ficou até a ordem de evacuação para combater o incêndio em Wilhoit que se aproximava. A cidade, incluindo as fazendas de cannabis vizinhas, “entregou equipamentos, alimentos e suprimentos” no campo de combate a incêndios, disse ela.

“Jovens operando tratores particulares e caminhões-tanque interromperam o fogo de Wilhoit em seu caminho”, disse Paschal. “Essas pessoas são heroínas e a cidade as chama de The Molalla 40. Elas salvaram a nós e a muitos outros de uma catástrofe completa. É um milagre absoluto que isso tenha acontecido e mostra o poder da comunidade e do amor”.

 

 

 

“Nós ficamos realmente maravilhados com a família da indústria de cannabis do Oregon, procurando ajudar uns aos outros. Não acho que exista nenhuma outra comunidade igual no mundo” — Candice Paschal, em uma declaração enviada por e-mail

Nem todas as empresas tiveram tanta sorte, no entanto, e os relatórios indicam que várias fazendas de cannabis no sul do Oregon foram perdidas para o incêndio. Os locais dos dispensários também sofreram enormes perdas, incluindo o Talent Health Club, em Talent, Oregon.

Paschal, cuja fazenda e safras felizmente foram poupadas, disse que algumas empresas de cannabis têm oferecido armazenamento, suprimentos e outras assistências para aqueles que não tiveram a mesma sorte.

A indústria também se apresentou para organizar ajuda para famílias que perderam suas casas, incluindo o Benson Arbor Southern Relief Fund, uma campanha GoFundMe organizada pelo proprietário da Benson Arbor Noah Levine.

Leia: Em meio a incêndios violentos, o mercado de maconha da Califórnia (EUA) virou fumaça?

Califórnia

Na Califórnia, ordens de evacuação foram emitidas na semana passada para partes do Triângulo Esmeralda — uma área fértil de cannabis no norte da Califórnia composta pelos condados de Mendocino, Humboldt e Trinity — enquanto o maior incêndio florestal já ocorria no estado na região.

Algumas autoridades locais expressaram preocupação sobre os trabalhadores da indústria de cannabis lá, milhares dos quais migram para a região durante esta época do ano, conforme a temporada de colheita se aproxima. Os trabalhadores migrantes “não estão familiarizados com o território, muito menos com um grande incêndio em terras selvagens batendo em sua porta”, disse o senador estadual Mike McGuire.

Os agricultores tiveram que pesar os riscos de uma colheita precoce, o que pode aumentar o risco de contaminação microbiana devido a trabalhos urgentes no armazenamento, relata o Marijuana Business Daily, em oposição ao tempo para saída, o que pode levar a outras complicações, incluindo outros contaminantes potenciais, e sabor esfumaçado que se entrelaça com os botões.

Os constantes incêndios na Califórnia, no entanto, são apenas os mais recentes no que já foi uma dolorosa temporada de incêndios — várias fazendas de cannabis foram perdidas no mês passado durante incêndios florestais em torno da área da baía de San Francisco.

No mês passado, o Leafly relatou a experiência infernal de um produtor de cannabis quando ele tentou inutilmente salvar sua fazenda no condado de Alameda de um incêndio florestal desenfreado.

Olhando para frente

É impossível saber a extensão total dos danos causados ​​à indústria da cannabis pelos incêndios florestais de 2020 — afinal, muitos dos incêndios ainda estão queimando — mas espera-se que as perdas totais cheguem a dezenas de milhões de dólares. Também é provável que haja efeitos em cascata sentidos na cadeia de abastecimento nos próximos meses em razão das colheitas perdidas e/ou contaminadas.

David Najera, um consultor de cannabis e agricultor no condado de Mendocino, disse ao Marijuana Business Daily que os produtores de cannabis precisam começar a tratar os incêndios florestais anuais como um “novo normal” na Costa Oeste.

“É preciso fazer muita prevenção contra incêndios”, disse Najera. “Estamos pensando em trazer gado para manter todas as nossas ervas daninhas e o mato baixos. Você deve ter reuniões semanais de segurança contra incêndio. Muitas pessoas simplesmente não estão preparadas. Você deve ter um exercício de 5-10 minutos, onde você pode evacuar a qualquer momento”.

Leia também:

Empregos de cannabis nos EUA podem subir até 295.000 em 2020, segundo estimativa

#PraCegoVer: em destaque, foto que mostra uma floresta em chamas durante a noite e a silhueta de dois bombeiros, no canto inferior direito. Imagem: Xinhua / IANS.

Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!