Homem é libertado um dia depois de ser preso com 175 kg de maconha em Sergipe

martelo de juiz piqsels Homem é libertado um dia depois de ser preso com 175 kg de maconha em Sergipe

O juiz Fernando Luís Lopes Dantas entendeu que não há nenhuma motivação, com base no Código de Processo Penal, para decretação da prisão preventiva. As informações são do portal Infonet

Um homem identificado como Davi Tavares Azevedo, 28, preso em flagrante na última quinta-feira, 24, com 175 kg de maconha durante operação do Departamento de Narcóticos (Denarc) na BR-235, em Areia Branca (SE), já está em liberdade.

A decisão foi divulgada no final da tarde desta sexta-feira, 25. O Ministério Público pediu a decretação da prisão preventiva argumentando a hediondez do crime. Já a defesa pediu a liberdade provisória. Ao analisar a situação, o juiz Fernando Luís Lopes Dantas entendeu que não havia nenhuma motivação, com base no Código de Processo Penal, para decretação da prisão preventiva. “O fato é que, pelas informações que constam no caderno eletrônico, nada indica, até o momento, que Davi seja o real proprietário da droga apreendida”.

lazy placeholder Homem é libertado um dia depois de ser preso com 175 kg de maconha em Sergipe

O magistrado também entendeu que não há perigo em colocar o preso em flagrante em liberdade. “Não há perigo concreto, demonstrado neste momento, de que Davi possa pôr em risco a ordem pública com colocação da elevada possível droga em circulação, já que ainda não é possível saber se ele, de fato, era o proprietário da suposta droga, ou se nem tinha ciência da natureza do que transportava”.

Leia mais: Juiz absolve homem acusado de transportar 173 quilos de maconha no MS

A decisão, conforme o magistrado, também se baseia na recomendação de nº 62/2020 do CNJ, que prevê que no presente momento, em virtude do estado de calamidade pública, as novas prisões preventivas só devem ser decretadas em caso de extrema necessidade e a partir de crime praticado com violência ou grave ameaça, o que não é o caso dos autos.

Como foi a ocorrência

Após uma denúncia anônima, os policiais do Denarc interceptaram o veículo conduzido por Davi Tavares Azevedo na BR-235, em Areia Branca. No porta-malas, os policiais encontraram seis sacos com 182 tabletes da droga, totalizando 175 kg de maconha.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP/SE), o motorista apresentou sinais visíveis de nervosismo ao avistar os policiais. Esse comportamento e o odor da erva levaram os policiais à apreensão dos entorpecentes. Na ocasião, Davi recebeu voz de prisão e foi encaminhado ao Denarc.

Leia também:

Ideia legislativa para regulação do uso adulto e autocultivo de maconha atinge 20 mil apoios

#PraCegoVer: foto (de capa) em vista superior de um martelo de juiz de cor castanho-escuro brilhante, com a parte central da cabeça dourada, deitado sobre sua base que está sobre o que parece ser um livro de capa cinza, que, por sua vez, se encontra sobre uma superfície de madeira clara. Imagem: Piqsels.

lazy placeholder Homem é libertado um dia depois de ser preso com 175 kg de maconha em Sergipe

Sobre Smoke Buddies

A Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. https://www.smokebuddies.com.br
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!