Holanda move-se para legalizar produção de maconha em experimento de quatro anos

mao saquinho buds Holanda move se para legalizar produção de maconha em experimento de quatro anos

Os coffeeshops de dez cidades holandesas farão parte de um experimento de quatro anos, período em que serão abastecidos com maconha produzida legalmente no país. Com informações do The Telegraph, e tradução pela Smoke Buddies

Há muito conhecida por sua atitude relaxada ao uso de drogas leves, a Holanda agora está tomando medidas experimentais no sentido de legalizar a produção de cannabis.

Dez municípios participarão de um teste de quatro anos em que todos os seus coffeeshops — onde a erva pode ser comprada e fumada — serão abastecidos apenas por produtores regulamentados.

Atualmente, para a frustração das autoridades policiais e do governo local, o uso pessoal de maconha é tolerado, mas o cultivo comercial da planta é ilegal. Mais de 550 coffeeshops de toda a Holanda são forçados a operar em uma “área cinzenta”, comprando de uma cadeia de suprimentos criminosa.

Na última semana de agosto, o ministro da justiça Ferdinand Grapperhaus e o ministro da saúde Bruno Bruins anunciaram que todos os 79 coffeeshops de Arnhem, Almere, Breda, Groningen, Heerlen, Hellevoetsluis, Maastricht, Nijmegen, Tilburg e Zaanstad iniciarão o “experimento fechado de abastecimento de cannabis” em 2021.

O experimento visa controlar a potência da substância e reduzir a criminalidade relacionada — que um relatório descobriu estar fora de controle e “minando” Amsterdã. “Proteger a saúde dos consumidores e grupos vulneráveis ​​é a principal prioridade, e o experimento prestará muita atenção à prevenção e ao fornecimento de informações”, escreveram Grapperhaus e Bruins em um briefing aos deputados.

Paul Depla, prefeito de Breda, disse ao The Telegraph que já era hora de a Holanda resolver leis de drogas inconsistentes. “Estamos muito felizes que Breda possa participar do teste de maconha”, disse ele.

“O mais importante é que, depois de anos de batidas contra portas fechadas em Haia, poderemos deixar para trás essa política de tolerância pela metade. É uma política que faz com que os coffeeshops dependam de um mercado ilegal dominado por criminosos, onde o consumidor não sabe absolutamente nada sobre a qualidade da cannabis e como ela é cultivada.”

Leia – Holanda: produtos feitos de maconha são um deleite para turistas

Peter Schouten, um advogado criminal de Breda, iniciou o projeto Project C e pretende cultivar 12 toneladas de cannabis em um ano para o teste.

“Nós começamos porque não achamos boa a política holandesa de vendas legais pela porta da frente e ilegal pela porta dos fundos”, disse ele ao The Telegraph.

“Até agora não havia controle do governo e um milhão de consumidores não sabiam o que estavam fumando ou vaporizando. O mais importante é que faremos maconha limpa, o preço continuará o mesmo… e 30% do nosso lucro líquido será destinado a projetos de tratamento de dependentes químicos, pesquisa médica e um ‘professor de maconha’ de uma universidade.”

Embora o policial holandês Pieter Tops, que visitou o Canadá para aprender lições sobre a legalização da cannabis, tenha avisado que isso não acabará com o crime organizado, alguns especialistas em toxicodependência saúdam com cautela o experimento.

Tom Bart, um trabalhador sênior de prevenção para a dependência da instituição de caridade Jellinek, disse ao The Daily Telegraph: “As vantagens são que o cultivo pode ser regulado e pesticidas, bolores e potência da droga podem ser controlados, enquanto mais dinheiro é levantado para a prevenção e informação dos usuários sobre os riscos”.

“O risco é que contribua para um uso maior, mas não acho que isso seja muito grande, já que a cannabis foi tolerada por um tempo.”

Amsterdã, Roterdã, Haia e Utrecht, no entanto, não participarão do teste porque foi considerado muito difícil levantar todos os coffeeshops que possuem.

Leia também:

Mercado da maconha movimenta R$ 52 bilhões na Europa

#PraCegoVer: fotografia (em destaque) em vista superior que mostra a mão e o punho de uma pessoa que está vestida com um casaco marrom e segurando um saco zip lock aberto, onde vê-se alguns buds de maconha em cores verde-claro e marrom, sobre uma mesa de madeira, onde também estão um cinzeiro preto com bitucas de cigarro, uma seda aberta e uma piteira azul e um pouco de tabaco triturado. Foto: Robin van Lonkhuijsen | AFP.

lazy placeholder Holanda move se para legalizar produção de maconha em experimento de quatro anos

Sobre Smoke Buddies

A Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. https://www.smokebuddies.com.br
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!