Embrapa e startup de cannabis firmam acordo de troca de informações

muda verde gotas Embrapa e startup de cannabis firmam acordo de troca de informações

Startup está desenvolvendo o primeiro estudo genético de cannabis no país

No Diário Oficial da União, na edição de 6 de setembro, o Ministério da Agricultura publicou um acordo de troca de informações técnicas e confidenciais celebrado entre a Adwa Cannabis e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), com previsão de vigência de cinco anos.

A Adwa Cannabis, fundada em 2018 pelo engenheiro agrônomo Sérgio Barbosa Ferreira Rocha, é a startup de biotecnologia que, em parceria com a Universidade Federal de Viçosa (UFV-MG), está desenvolvendo o primeiro estudo sobre a variabilidade agronômica e bioquímica em variedades de Cannabis sativa cultivadas no Brasil.

site sb Embrapa e startup de cannabis firmam acordo de troca de informações

Leia: Cultivo de maconha e o balanço de fitormônios no controle do crescimento

A startup também realizou, em parceria com a UFV e o Grupo Brasileiro de Estudos Sobre a Cannabis, o mapeamento que quantificou as áreas brasileiras com maior capacidade para o cultivo da planta. Divulgado em 2019, o levantamento revela que no Brasil 80% das terras cultiváveis são aptas para a produção de maconha — o mapa da cannabis foi o projeto que deu origem à Adwa.

Veja também: Empresas de cannabis sentem cheiro de oportunidade no Brasil

O acordo firmado entre a Embrapa e a Adwa Cannabis acontece depois que a estatal foi uma das parceiras de apoio da “Oficina sobre Cânabis: uma revisão”, curso realizado no ano passado pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) com o objetivo de fomentar o tema na comunidade acadêmica.

Plantio de maconha pela Embrapa

Um projeto de lei apresentado pelo deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) visa alterar a Lei de Drogas para que a Embrapa e universidades federais possam realizar o plantio, cultura e colheita de maconha para fins medicinais ou científicos.

Na justificativa do PL, o deputado cita a declaração da Anvisa, emitida após a aprovação da norma que regulariza os produtos de cannabis no país, de que o desafio para regulamentar o tema foi o de encontrar uma forma para garantir o acesso assegurando um mínimo de garantia para os usuários dos produtos, no que diz respeito à eficácia e segurança.

Leia mais:

Cultivo de cannabis pela Embrapa e universidades federais é proposto na Câmara

#PraTodosVerem: fotografia, tirada de cima para baixo, mostra uma pequena muda de maconha, com duas folhinhas redondas e duas serrilhadas, de cor verde-escuro, e um substrato escuro com pontos brancos, ao fundo. Imagem: THCamera Cannabis Art.

Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!