Conheça a Platô: a primeira revista do Brasil sobre políticas de drogas

Conheça a Platô a primeira revista do Brasil sobre políticas de drogas Conheça a Platô: a primeira revista do Brasil sobre políticas de drogas

Lançada no último dia 26 de setembro, no Rio de Janeiro, a revista “Platô: Drogas e Políticas” é a primeira publicação brasileira a tratar exclusivamente sobre políticas de drogas. A publicação traz artigos com reflexões, pesquisas e análises científicas, numa linguagem ampla e plural.

No dia 26 de setembro, no Rio de Janeiro – a cidade que precisa debater a política de drogas com urgência -, aconteceu o lançamento da 1ª edição da revista Platô: Drogas e Políticas, a primeira publicação do país a tratar exclusivamente sobre o tema.

A Platô é a primeira revista de caráter científico dedicada exclusivamente aos temas ligados à política de drogas. Nesse primeiro número, o uso terapêutico da maconha e as ações de redução de danos são temas dos artigos originais. E traz, ainda, uma tradução exclusiva de um artigo que debate a controvérsia na definição da dependência.

Em seu número de estreia, a revista traz o artigo de Suzanne Fraser intitulado “O futuro da ‘dependência’: crítica e composição”, publicado originalmente no International Journal of Drug Policy e traduzido para a Platô. Nele, a autora questiona a tentativa de parte dos especialistas em definir de maneira taxativa e sem controvérsias a dependência como uma doença crônica do cérebro.

FUMUS BONI IURIS

A publicação de estreia traz também o artigo “A fumaça do bom direito: demandas pelo acesso legal à maconha na cidade do Rio de Janeiro”, assinado por pesquisadores da Abracannabis. No segundo artigo, a Redução de danos e substâncias psicodélicas são motes para a publicação assinada por Fernando Beserra e Marcio Roberto Oliveira, membros da Associação Psicodélica do Brasil.

A Platô será publicada semestralmente e a sua edição online está disponível no site da Plataforma Brasileira de Política de Drogas (www.pbpd.org.br). O acesso é aberto e gratuito.

Leia a primeira edição na íntegra: clique aqui

Confira abaixo um trecho do edital da Revista e as fotos do lançamento, realizado na sede da Open Society, no bairro da Glória, Rio de Janeiro.

A Plataforma Brasileira de Política de Drogas (PBPD) nasceu da necessidade de unir, em uma única rede, entidades, coletivos e especialistas que se dedicam a estudar e a promover a reforma da política de drogas no Brasil e no mundo. Composta por organizações das áreas de saúde, segurança pública, redução de danos, direitos humanos, acesso à justiça, entre outras, a PBPD atua para potencializar as ações de seus membros e para qualificar o debate público sobre os diversos aspectos do tema, valorizando o conhecimento na construção de uma política de drogas solidária, justa e eficaz.

É nesse contexto que surge a Platô: Drogas e Políticas. Primeira publicação brasileira a tratar exclusivamente sobre política de drogas, a revista trará artigos com reflexões, pesquisas e análises científicas, mas não necessariamente na linguagem tradicional. Assim, o objetivo da PBPD é que a Platô circule por um público amplo e plural.

Gestada pela Coordenação Científica da PBPD, e com o apoio do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap), a Platô traz, em sua primeira edição, artigos produzidos por pesquisadores ligados a dois de seus membros: a Abracannabis e a Associação Psicodélica do Brasil. Para tanto, eles contaram com o apoio de bolsas de curta duração oferecidas pela PBPD, alcançando um resultado que demonstra o potencial da rede na produção de conhecimento original sobre política de drogas.

Assim como é o campo da política de drogas, a Platô é transversal. Apresentar diversos temas sobre diferentes perspectivas – desde que comprometidas com os fatos e com o rigor científico – é, a partir de agora, o objetivo da Plataforma.

A Coordenação Científica da PBPD está lançando a Platô como o seu veículo principal de comunicação. Produzida em conjunto com o Centro Brasileiro de Análise e Planejamento – Cebrap, a revista será editada em formato impresso e digital e não tem o objetivo de ser uma revista exclusivamente acadêmica. A Plataforma espera ser uma publicação conectada às questões mais candentes dos diversos aspectos relacionados à política de drogas no Brasil e no mundo.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fotografias: Gisele Motta

lazy placeholder Conheça a Platô: a primeira revista do Brasil sobre políticas de drogas

Sobre Dave Coutinho

Carioca, Maconheiro, Ativista na Luta pela Legalização da Maconha e outras causas. CEO "faz-tudo" e Co-fundador da Smoke Buddies, um projeto que começou em 2011 e para o qual, desde então, tenho me dedicado exclusivamente.
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!

Deixe seu comentário