Clínica do Reino Unido fará consultas em vídeo para pacientes de maconha medicinal

maconha pode ser alternativa eficaz no tratamento da sindrome de tourette Clínica do Reino Unido fará consultas em vídeo para pacientes de maconha medicinal

O Reino Unido aprovou a primeira clínica de acesso à maconha medicinal autorizada a realizar consultas por meio de videochamada. Com informações do Canex e tradução Smoke Buddies

A Sapphire Medical Clinics se tornou a primeira clínica de acesso à cannabis medicinal no Reino Unido a ser aprovada para consultas em vídeo. Espera-se que a aprovação da Comissão de Qualidade de Cuidados (CQC) ajude a melhorar o acesso dos pacientes a produtos de cannabis medicinal em todo o Reino Unido.

As clínicas de cannabis medicinal permanecem poucas e distantes entre Inglaterra, País de Gales, Escócia e Irlanda do Norte, apesar de a cannabis ter sido legalizada para uso médico em 2018. Isso significa que muitos pacientes até agora passaram por jornadas longas e estressantes para participar de consultas em clínicas aprovadas para acessar produtos de cannabis medicinal.

lazy placeholder Clínica do Reino Unido fará consultas em vídeo para pacientes de maconha medicinal

No entanto, as clínicas médicas da Sapphire esperam fornecer uma rota mais conveniente e acessível para os pacientes que lutam para acessar os medicamentos. Onde for clinicamente apropriado e quando encaminhado pelo seu médico de família, os pacientes podem agora participar de consulta com um médico especialista na clínica por meio de uma videochamada.

Leia: Líderes mundiais da indústria canábica se unem para enfrentar crise do coronavírus

O Dr. Mike Platt, diretor médico das clínicas e especialista em dor reconheceu a diferença que a mudança poderá fazer para os pacientes:

“Muitos pacientes que eu vejo são severamente limitados em sua função e mobilidade, portanto, essa notícia fornecerá uma linha de vida que lhes permitirá, em circunstâncias apropriadas, acessar medicamentos que potencialmente podem transformar sua qualidade de vida.”

Embora o acesso à cannabis medicinal através do NHS (Serviço Nacional de Saúde) permaneça raro e cheio de barreiras, as clínicas privadas oferecem aos pacientes um meio viável para acessar o medicamento que funciona para eles. Os especialistas cobrem condições que incluem câncer, epilepsia, dor, psiquiatria e neurologia, entre outras.

O diretor administrativo da Sapphire Medical Clinics, Mikael Sodergren, destacou a importância da nova iniciativa de consulta:

“Para muitos pacientes com condições crônicas, viajar longas distâncias é cansativo, caro e para alguns, também, assustador. Para outros, simplesmente não é possível devido à sua condição subjacente, saúde mental ou deficiência física.”

A Sapphire Medical Clinics abriu sua primeira clínica de acesso a pacientes em Londres em agosto de 2019 e tem planos de abrir outras clínicas em outras cidades, como Manchester, Birmingham e Liverpool.

Leia também:

Coronavírus: negócios de maconha são considerados essenciais nos EUA

#PraCegoVer: em destaque, fotografia em plano fechado que mostra uma pequena lupa, bem próxima da câmera, por onde pode-se ver os cálices repletos de tricomas e alguns pistilos brancos da inflorescência de uma planta de maconha, que preenche o restante da imagem, ao fundo. Foto: Rafael Rocha | Smoke Buddies.

Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!