Cannabis com sabor de limão é encontrada em latas de pêssego no Paraguai

latas pessego paraguai Cannabis com sabor de limão é encontrada em latas de pêssego no Paraguai

Em remessas enviadas da Califórnia (EUA) para a Ciudad del Este, agentes antidrogas paraguaios encontraram embalagens de compotas de frutas recheadas com maconha

No Aeroporto Internacional Silvio Pettirossi, no Paraguai, agentes da Secretaria Nacional Antidrogas do país apreenderam duas remessas de latas de pêssegos que, na verdade, traziam flores de cannabis em seu interior.

As encomendas se tratam de duas caixas com origem de San Diego, Califórnia (EUA), e destinadas à Ciudad del Este (cidade paraguaia situada às margens do rio Paraná que se conecta ao Brasil através da Ponte da Amizade), contendo 34 latas de “pêssegos em calda” que, quando abertas, revelaram pacotes de maconha de alta qualidade.

gravital Cannabis com sabor de limão é encontrada em latas de pêssego no Paraguai

Leia mais: Startup israelense edita gene da planta da cannabis para resistência a fungos

De acordo com dados preliminares, as flores seriam de cepas geneticamente modificadas para apresentarem maior teor de THC, segundo relatório da Senad.

Em duas das latas os funcionários do órgão se surpreenderam ao encontrar cannabis com cor e aroma de suco de limão. No total, foram apreendidos pouco mais de 17 quilos de maconha, cujo valor aproximado seria em torno de 50 mil dólares americanos.

Os agentes que analisaram a erva, levando em conta a qualidade, disseram que o produto é destinado a um segmento de consumidores com alto poder aquisitivo. As remessas estavam destinadas à região da tríplice fronteira, logo há a possibilidade de que as flores também seriam distribuídas em território brasileiro.

Acesse Pufflife.com.br

Leia também:

Cruzamentos de strains criam uma variedade infinita de sabores de maconha

#PraCegoVer: em destaque, fotografia que mostra as mãos de um agente, com luvas azuis, abrindo uma das latas em uma mesa, onde são vistas várias outras latas, algumas abertas, e dois pacotes de maconha. Foto: divulgação/ Senad.

Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!