Britânico enfrenta até 15 anos em prisão da Indonésia por causa de óleo de cannabis

pip holmes Britânico enfrenta até 15 anos em prisão da Indonésia por causa de óleo de cannabis

Na Indonésia, um artista britânico pego com 3 g de óleo de maconha medicinal pode ser condenado a até 15 anos em um dos piores presídios do mundo. Família realiza campanha de crowdfunding para custear sua defesa na Justiça. As informações são da BBC, com tradução Smoke Buddies.

Pip Holmes, da Cornualha, Inglaterra, foi preso por contrabando de drogas quando foi buscar um pacote contendo o óleo.

O artista de 45 anos disse que pediu a um amigo que o enviasse enquanto ele vivia em Bali para ajudar na artrite.

A Indonésia tem leis antidrogas muito rigorosas e frequentemente prende estrangeiros por acusações relacionadas a drogas.

O Sr. Holmes disse que estava ciente das penalidades e que suas ações foram “tolas e estúpidas”.

Ele foi detido em 3 de dezembro depois de pegar o pacote, enviado da Tailândia, que continha frascos de óleo essencial com óleo de cannabis.

Depois de passar seis dias em uma cela da polícia, Holmes foi transferido para uma unidade de reabilitação do hospital da polícia, pois seus advogados argumentaram que ele era um usuário de drogas – depois que ele falhou em um teste de drogas – ao invés de um traficante.

No entanto, ele ainda está enfrentando uma acusação de tráfico de drogas e foi exibido na frente das câmeras na segunda semana de dezembro para o que ele chamou de uma coletiva de imprensa “muito surreal e bizarra”.

Ele se sentou ao lado de outros quatro homens acusados ​​de contrabando de drogas, o que pode levar à pena de morte na Indonésia.

Apesar dos relatos de que o Sr. Holmes poderia estar enfrentando essa punição, ele diz que a pequena quantidade de drogas encontradas com ele significa que não é o caso.

lazy placeholder Britânico enfrenta até 15 anos em prisão da Indonésia por causa de óleo de cannabis

#PraCegoVer: fotografia de cinco pessoas vestindo uniforme de presidiário de cor laranja e touca ninja preta e sentadas atrás de uma mesa (sendo o segundo da direita o britânico Pip Holmes), no primeiro plano, e, ao fundo, outra mesa com membros do governo indonésio. Créditos: AFP.

Falando do centro de reabilitação, onde ele estava trancado em uma sala e vigiado por dois homens, mas com acesso a um telefone, ele disse à BBC que a conferência de imprensa foi “realmente angustiante”.

Ele disse que não se sente um criminoso traficante de drogas, mas a imprensa indonésia está pintando uma foto dele nesse sentido.

“Eu só queria ficar de pé e dizer que realmente não estou nesta categoria, mas a lei é muito diferente aqui e é muito dura.”

“Parece uma grande injustiça, mas eu não estou no Reino Unido, estou em Bali, então é culpa minha.”

No Reino Unido, produtos medicinais de cannabis podem ser prescritos legalmente para alguns pacientes depois que as regras foram relaxadas em meados deste ano – embora o acesso seja muito limitado.

O pai de dois filhos, um garoto de 11 anos e uma menina de oito anos que moram no Reino Unido com sua ex-esposa, tem artrite há oito anos e diz que foi causado por anos praticando boxe tailandês.

Ele disse: “A maconha faz uma diferença considerável na dor – não é uma atividade de lazer para mim”.

Holmes não é estranho a viagens – ele passou um tempo no Canadá no início deste ano, enquanto tem um estúdio de tatuagem na Tailândia – e chegou em Bali no final de outubro, planejando passar alguns meses surfando e pintando.

lazy placeholder Britânico enfrenta até 15 anos em prisão da Indonésia por causa de óleo de cannabis

#PraCegoVer: fotografia em plano médio de Pip Holmes surfando nas ondas do mar. Créditos: arquivo pessoal.

“Eu sabia no que estava me metendo”, ele disse. “Eu sabia que havia leis muito rígidas, mas eu escolhi vir aqui de qualquer maneira, porque o surf é o melhor do mundo.”

A lei indonésia não reconhece o consumo de maconha medicinal.

Ele disse que está enfrentando uma sentença entre cinco e 15 anos na prisão de Kerobokan, em Bali – um lugar que Holmes chama de “horrendo” e “aterrorizante”. A BBC não conseguiu confirmar com as autoridades indonésias que sentença ele poderia enfrentar.

No entanto, em sua próxima data na corte, prevista para ser em janeiro, Holmes espera ser classificado como um viciado em maconha e ser elegível para uma sentença de reabilitação.

Ele diz que, embora a polícia tenha relatado que ele foi encontrado com 31 g de óleo de THC medicinal, esse peso incluiu os frascos (28 g).

Qualquer coisa menor que 5 g, segundo ele, o faria elegível para uma sentença de aproximadamente 12 meses em uma reabilitação.

Ele disse que precisa levantar dinheiro para lutar contra o caso.

lazy placeholder Britânico enfrenta até 15 anos em prisão da Indonésia por causa de óleo de cannabis

#PraCegoVer: fotografia em plano americano de Holmes com os braços cruzados e ao lado de uma extensa parede branca com vários quadros pintados pelo mesmo. Créditos: arquivo pessoal.

“Eu não tenho ideia do que vai acontecer comigo em seguida.”

“Eu estou com medo, porque eu não sei quanto tempo vai ser antes que eu possa abraçar meus filhos novamente. Eles são a única coisa que me mantém indo bem agora.”

Um comunicado do Foreign Office [departamento do governo britânico] disse: “Nossa equipe está ajudando um britânico após sua prisão em Bali, e está em contato com sua família, advogado e as autoridades indonésias”.

#PraCegoVer: fotografia (capa) em primeiro plano de Pip Holmes e parte de uma prancha amarela que segura à sua esquerda; ao fundo pode-se ver alguns carros estacionados próximos a um terreno montanhoso. Créditos da foto: arquivo pessoal.

Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!

Deixe seu comentário