Brasil e Argentina cooperam para o desenvolvimento da indústria de cannabis

cultivo mao Brasil e Argentina cooperam para o desenvolvimento da indústria de cannabis

A Câmara Argentina de Cannabis anunciou um acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Cannabis com o objetivo de fortalecer os esforços para desenvolver um mercado latino-americano. As informações são do Tiempo Argentino

A Câmara Argentina de Cannabis (ArgenCann) se uniu à Associação Brasileira da Indústria de Cannabis (ABICANN) por meio de um acordo de cooperação mútua com o objetivo de promover o desenvolvimento da indústria de cannabis e, em conjunto, impulsionar uma agenda de investimentos, produção e trabalho nos dois lados da fronteira.

Atualmente existem marcos regulatórios em vigor no Brasil e na Argentina que levaram à criação de um mercado legal para a cannabis medicinal, que busca ter abrangência regional, embora seja uma indústria ainda incipiente em relação a outras partes do planeta.

gravital Brasil e Argentina cooperam para o desenvolvimento da indústria de cannabis

“Este acordo é um grande passo para consolidar em nível regional o trabalho que temos feito em torno da regulamentação da cannabis em nossos países. Procuramos intensificar os esforços para desenvolver um mercado latino-americano e explorar oportunidades que promovam acordos comerciais e de investimento bilaterais, bem como uma agenda de cooperação acadêmica e científica”, indicou Pablo Fazio, presidente da Câmara Argentina de Cannabis.

Primeiro acordo público-privado para pesquisa e produção de cannabis é firmado na Argentina

Por sua vez, Thiago Ermano, presidente da ABICANN, garante que “mais de 50 países já compreenderam a qualidade dos benefícios que a planta da cannabis gera para a economia e suas sociedades, quando sua indústria é bem administrada”.

Acesse Pufflife.com.br

A iniciativa busca compartilhar experiências e encontrar um marco regulatório comum para gerar sinergias e fortalecer o trabalho conjunto que vem sendo realizado pela Rede Latino-Americana de Associações de Cannabis, hoje composta por Colômbia (Asocolcanna), Peru (Asopecanna), México (GPIC), Paraguai (Cannapy), Uruguai (Cecam) e Argentina (ArgenCann).

A indústria da maconha, com os Estados Unidos e Canadá como ponta de lança, é um dos mercados com maior potencial de crescimento devido à circulação de dinheiro que gera (cerca de 14 bilhões de dólares por ano) e à criação de empregos (em 2020, ano de pandemia, a indústria gerou mais de 200 mil empregos nos EUA).

Leia também:

Argentina: Ministério do Desenvolvimento elabora projeto para progresso do mercado de cannabis

#PraCegoVer: imagem que mostra uma planta de maconha sendo tocada por baixo de seu ramo apical, por uma mão vinda da parte superior da foto, em um cultivo em fase vegetativa, que preenche todo o quadro. Crédito: Crystalweed | Unsplash.

smokebuddies logo2 Brasil e Argentina cooperam para o desenvolvimento da indústria de cannabis

Sobre Smoke Buddies

A Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. https://www.smokebuddies.com.br
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!