Alemanha importou volume recorde de cannabis em 2020

buds alex woods Alemanha importou volume recorde de cannabis em 2020

Mais de três toneladas de maconha foram importadas para o país no quarto trimestre do ano passado. As informações são da Prohibition Partners

As importações de buds de cannabis para uso medicinal na Alemanha atingiram recordes históricos no quarto trimestre de 2020, fechando o ano com um crescimento anual de 37%, de acordo com dados do Instituto Federal de Drogas e Dispositivos Médicos (BfArM). No entanto, o crescimento ano a ano das importações está claramente começando a se estabilizar.

A Alemanha importou 3.264 quilos de cannabis para uso medicinal no quarto trimestre de 2020, a maior quantidade em qualquer trimestre até o momento, elevando o total anual para 9.249 quilos. A quantidade de importações de cannabis medicinal para a Alemanha tem crescido rapidamente, com um crescimento de mais de 100% ano a ano em 2018 e 2019, mas reduzido para 37% em 2020 no final do ano.

site sb Alemanha importou volume recorde de cannabis em 2020

Os níveis de importação estão sujeitos a flutuações, e nem todos os produtos importados são consumidos por pacientes alemães em um determinado trimestre. Portanto, as importações devem ser consideradas em conjunto com outras métricas, como dados de reembolso, para chegar-se a um indicador do tamanho e da atividade do mercado total. Conforme a Prohibition Partners informou em dezembro, o terceiro trimestre viu uma estagnação no crescimento da cannabis medicinal reembolsada.

Leia: Empreendedores alemães veem oportunidade no mercado privado de cannabis medicinal

No passado, a demanda por buds de cannabis medicinal na Alemanha era atendida principalmente por importações de cannabis do Canadá e dos Países Baixos. No entanto, isso está começando a mudar. As exportações de cannabis nos Países Baixos diminuíram pela primeira vez, em 5% ano a ano, para 3.380 kg no ano. Isso provavelmente foi substituído pelo fornecimento do Uruguai, Espanha, Austrália e Israel, que começaram a exportar comercialmente para a Alemanha em 2020, com Portugal tendo ingressado na fila em 2019.

Em um futuro próximo, esperamos ver o equilíbrio da oferta se afastando dos Países Baixos e do Canadá, para incluir as importações de países com custos de produção potencialmente mais baixos, como Uruguai e Portugal. Além disso, os primeiros produtos de cannabis medicinal cultivados e fabricados internamente na Alemanha devem chegar ao mercado em março deste ano. Os cultivadores domésticos fornecerão à Alemanha pelo menos 2.600 kg de cannabis medicinal por ano, embora essas quantidades possam ser excedidas.

À medida que aumenta a oferta de cannabis na Alemanha, aumenta também a competição de produtores e atacadistas. A melhor resposta a essa competição provavelmente envolverá o uso tático de recursos de vendas, bem como o marketing de extratos e isolados, cada vez mais populares.

Leia também:

Mais de 30 milhões de pessoas consumiram cannabis na Europa no último ano, revela pesquisa

#PraCegoVer: fotografia de vários buds secos de maconha que preenchem todo o quadro. Foto: Alex Woods | Unsplash.

smokebuddies logo2 Alemanha importou volume recorde de cannabis em 2020

Sobre Smoke Buddies

A Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. https://www.smokebuddies.com.br
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!