Weedstock: 10 mil pessoas celebrando a cultura da maconha com muita música

weedstock smoke buddies Weedstock: 10 mil pessoas celebrando a cultura da maconha com muita música

No dia 3 de setembro, grandes lendas da cultura musical canábica subiram ao palco do festival em SP e contaram com a ajuda de uma multidão de maconheiros cantando, animando e, claro, soltando muita fumaça para o ar! O Smoke Buddies esteve presente para contar tudo o que rolou por lá.

A previsão do tempo não era das mais animadoras: a qualquer momento a chuva poderia cair na capital paulistana. Mas a vibe positiva das mais de 10 mil pessoas que colaram no WEEDSTOCK MUSIC FESTIVAL, que rolou no dia 03 de setembro, não deixou uma gota cair. Essa galera se reuniu no Urban Arena, na zona norte de São Paulo, em uma verdadeira celebração à maconha com rap e rock para ninguém colocar defeito.

E não é para menos: passaram pelo palco nomes como Costa Gold, Flora Matos, Raimundos, Black Alien e os verdíssimos membros do Planet Hemp – uma das maiores bandas brasileiras quando falamos no velho “faz-me-rir”. Ao mesmo tempo, muito grafite, skate e, claro, muita larica com os foodtrucks presentes. Ou seja, só poderia sair coisa boa.

O cheiro era inconfundível! As infinitas rodas passavam seus baseados em uma espécie de celebração àquele encontro que, mesmo sem perceber, era um grande passo para a cultura da erva. E mesmo com diferentes estilos, a atmosfera não poderia ser melhor. A equipe do Smoke Buddies estava presente e só viu positividade, fumaça e muita pedrada musical.

lazy placeholder Weedstock: 10 mil pessoas celebrando a cultura da maconha com muita música

Para quem curte a boa e velha música tupiniquim, foi um prato (ou um beck) cheio! Depois de bandas como La Raza e Instinto, os muleques do Costa Gold e a rapper Flora Matos representaram nos mics. Na sequência, os manos do Raimundos entraram em cena e Digão, mesmo com o pé quebrado, sacudiu a multidão com os clássicos inesquecíveis da banda.

Já com a lua no céu, Black Alien surpreendeu – com direito a tradução simultânea em libras. Com as madeixas brancas, mandou velhas rimas e novidades de seu último trabalho. Então decidiu terminar sua apresentação fazendo o convite a Marcelo D2 e BNegão, que subiram ao palco numa lendária apresentação do clássico “Contexto”, do Planet Hemp – para alegria de muito marmanjo que sente saudade da golden era da banda.

lazy placeholder Weedstock: 10 mil pessoas celebrando a cultura da maconha com muita música

Foi de emocionar. Após matar as saudades, ainda deu pra terminar a noite com o PH arrebentando nos riffs e agitando rodas de mosh que deixariam muito hardcore orgulhoso. A energia da banda é a mesma, mesmo depois de 20 anos de estrada. Afinal, “quem é que joga a fumaça para o alto”?

O resumo da noite foi: SP ficou mais verde! E a trilha sonora não poderia ser melhor.

Veja mais fotos do evento aqui.

Imagens: Weedstock Music Festival