Planta na Mente 2017: desfile leva mais de 40 mil pessoas na luta pela legalização

 Planta na Mente 2017: desfile leva mais de 40 mil pessoas na luta pela legalização

Planta na Mente realiza seu sétimo desfile na quarta-feira de brasas (01), arrastando uma multidão de foliões. Segundo a organização, mais de 42.000 pessoas seguiram o bloco em cortejo, pedindo a legalização e explanando o quão normal e tranquilo é fumar maconha por diversão.

Para a cena canábica carioca e nacional, o Bloco Planta na Mente é tão importante quanto a Marcha da Maconha, pois além dos sons dos bumbos, marchinhas, metais e tambores que embalam todas as ações pela legalização no Rio de Janeiro, o Bloco possui uma magia indescritível que reúne, a cada desfile, uma multidão em uma ação direta em prol de direitos e liberdades.

Como nos últimos anos, a quarta-feira (01) ficou em brasas com o Bloco Planta Na Mente que concentrou sob os Arcos da Lapa e partiu em cortejo as 16h20, arrastando mais de 42 mil pessoas pelas ruas da Lapa até a Praça Tiradentes.

Com suas marchinhas adaptadas instigando em tons libertários o debate e a reflexão sobre a maconha e seus usos, além de criticar o cenário racista e proibicionista que vivemos, o Planta na Mente juntamente com seus foliões lembraram que o carnaval também é espaço para manifestação popular e que, com um tom de humor e sarcasmo, funciona como arma de transgressão política.

 Planta na Mente 2017: desfile leva mais de 40 mil pessoas na luta pela legalização

Aos poucos as sombras dos Arcos são tomadas – Foto Phill Whizzman

 Planta na Mente 2017: desfile leva mais de 40 mil pessoas na luta pela legalização

Basta o bloco andar alguns metros que a multidão começa a se formar. Arcos, Circo Voador (esq), Fundição Progresso (dir) e Planta na Mente – Foto Phill Whizzman

 Planta na Mente 2017: desfile leva mais de 40 mil pessoas na luta pela legalização

Saia do Armário e Normalize

Além de toda a crítica social e política levantada, a desmistificação e a normalização do debate sobre os usos da planta virão dos próprios usuários e apoiadores para toda a sociedade, que segue manipulada há anos em nome da guerra às drogas.

Nas ruas do centro do Rio que estão sitiadas pelas operações “Lapa e Centro Presente” (trabalho integrado entre as polícias Civil e Militar, órgãos públicos e Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, e financiado por Fecomércio e Governo do Estado do Rio, que, segundo dados da SEGOV, em pouco mais de três anos deteve mais de 3.100 pessoas por posse e uso de entorpecentes), o que predominou no desfile do Planta foi a liberdade de manifestação, alegria e muita fumaça para o alto. Clique nas fotos abaixo para acessar os álbuns.

 Planta na Mente 2017: desfile leva mais de 40 mil pessoas na luta pela legalização

 Planta na Mente 2017: desfile leva mais de 40 mil pessoas na luta pela legalização

E no ritmo de “O abre alas / Que eu vou explanar / Fumo maconha / não posso negar” é que milhares pediram a legalização e explanaram o quão NORMALIZE e tranquilo é consumir a erva por diversão. O consumo da maconha é um direito individual, uma liberdade de cada cidadão sem o Estado poder intervir.

Na busca da quebra deste estereótipo que ronda a maconha e para conscientizar a sociedade para que deixe de hostilizar os usuários, o Smoke Buddies abordou e registrou diversas pessoas de diferentes classes, idades e nacionalidades que toparam mostrar que o hábito de fumar maconha é tão normal e mais seguro que ingerir bebida alcoólica. Todos os registros abaixo foram autorizados:

Este slideshow necessita de JavaScript.

A mudança acontecerá por você!

Em pleno 2017, diversos países já alteraram ou estão alterando suas legislações sobre drogas (sem contar que mais da metade dos estados norte-americanos já o fizeram) em nome de uma proposta. Não podemos deixar que o Brasil seja o último país do mundo a mudar sua lei de drogas.

Essa mudança não virá da mídia tradicional e menos ainda pelo legislativo, ela só ocorrerá quando cada vez mais pessoas se assumirem usuárias e defensoras do fim da guerra às drogas. Por isso, não tenha receio, normalize o debate em todos os cantos e rodas de conversas e não deixe de comparecer à Marcha da Maconha da sua região.

 Planta na Mente 2017: desfile leva mais de 40 mil pessoas na luta pela legalização

Imagem aérea do desfile do Bloco Planta na Mente, na Praça Tiradentes. – Foto Rennan Moraes

Agradecimentos: A todos do PLANTA NA MENTE, Henrique Neves, Natasha Hoffemann, Xamã, Pedro Pajé, Adriano Caldas, Rennan Moraes e PC Azevedo

 Planta na Mente 2017: desfile leva mais de 40 mil pessoas na luta pela legalização

Sobre Dave Coutinho

Carioca, Maconheiro, Ativista na Luta pela Legalização da Maconha e outras causas... um dos responsáveis e 'faz-tudo' do Smoke Buddies.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *