Literatura Sativa: Melhor Jair Se Acostumando

marcha da maconha enche SP de fumaca Literatura Sativa: Melhor Jair Se Acostumando

Acostume-se com a opressão

Acostume-se com ditadura

Acostume-se com perseguição

Acostume-se com a tortura

 

Acostume-se com nossa morte

Acostume-se com sofrimento

Acostume-se com o tal porte

Acostume-se com ferimento

 

Acostume-se sem liberdade

Acostume-se estar sem a voz

Acostume-se sem lealdade

Acostume-se com brancos lençóis

 

Acostume-se com tantas duras

Acostume-se com muitas guerras

Acostume-se com viaturas

Acostume-se com essas feras

 

Queime os últimos baseados

Enquanto não morre, vá levando

Somos alvos a serem caçados

Melhor Jair Se Acostumando!

 

Leia também ~ Literatura Sativa: Tempos de Tempestades

#PraCegoVer: fotografia (de capa) de manifestantes segurando uma faixa branca onde se lê “Quebrar correntes, plantar sementes”, entre as logos da Marcha da Maconha. Créditos da foto: Lucas Tavares – MM SP 2018.

lazy placeholder Literatura Sativa: Melhor Jair Se Acostumando

Sobre Douglas Fortunato

Estudante de Filosofia no Rio de Janeiro, na UERJ, 23 anos e recém chegado na militância da causa canábica.