Literatura Sativa: A Marcha da Maconha

literatura sativa marcha da maconha Literatura Sativa: A Marcha da Maconha

 

Fomos às ruas por liberdade
Reavivar a nossa intenção
Fomos às ruas por legalidade
Reivindicar a regulamentação

Nossa luta tomou o Brasil
Entoamos um canto social
A batalha sempre existiu
Ainda é difícil o diálogo plural

A Marcha é pela unicidade
São usuários e simpatizantes
Todos pelo mesmo ideal

Um grito por notoriedade
São cultivadores e amantes
Heroínas e heróis da vida real

Confira nos artigos abaixo como foram os atos, do dia 06 de maio, em todo Brasil.

Como seria viver num país legalizado? A Marcha da Maconha do Rio responde!

150 mil pessoas pela legalização: Veja como foram as 10 Marchas da Maconha em todo Brasil

Marcha da Maconha enche São Paulo com muita fumaça

Fotografia de Capa: Phill Whizzman | Smoke Buddies ~ Marcha da Maconha Rio 2017

lazy placeholder Literatura Sativa: A Marcha da Maconha

Sobre Douglas Fortunato

Estudante de Filosofia no Rio de Janeiro, na UERJ, 23 anos e recém chegado na militância da causa canábica.