Faculdade de Medicina da USP busca voluntários para teste com maconha

 Faculdade de Medicina da USP busca voluntários para teste com maconha

Com objetivo de analisar os efeitos do CBD, substância extraída da maconha, pesquisadores da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (USP) começaram a procurar pacientes voluntários com Transtorno Depressivo Maior. As informações são do Estado de S.Paulo.

Pesquisadores da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP precisam de voluntários para estudar o efeito do canabidiol, substância extraída da maconha, em pacientes com Transtorno Depressivo Maior.

Para participar, os interessados devem apresentar depressão, ter entre 20 e 60 anos de idade e índice de massa corporal entre 18 e 30 kg/m² (dividir o peso pelo quadrado da altura). Não devem estar usando medicamentos, como antidepressivos ou calmantes, por duas semanas. Também não podem usar drogas ilícitas, ser fumantes, estar grávida, usar aparelhos dentais ou implantes de metais no corpo.

O voluntário será ressarcido com R$ 50 em cada dia de teste. O participante passará por exame de urina, avaliação psicológica, tarefa de reconhecimento de expressões faciais de emoções, ressonância magnética e coleta de sangue.

O estudo é de responsabilidade da pesquisadora Luana Gonçalves Zamarrenho, do Programa de Saúde Mental. As inscrições devem ser feitas pelos e-mails: luanagz.bio@gmail.com ou luana.gz@usp.br.

Leia também: Novo estudo indica que maconha pode ser eficaz contra depressão

Leia mais:

Pesquisa sobre o uso da maconha medicinal no combate à depressão é premiada pela Unesco

 Faculdade de Medicina da USP busca voluntários para teste com maconha

 Faculdade de Medicina da USP busca voluntários para teste com maconha

Sobre Smoke Buddies

O Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. http://www.smokebuddies.com.br