Fabricante de cigarro de maconha na Suíça quer ampliar produção

fabricante de cigarro de maconha na suica quer ampliar producao Fabricante de cigarro de maconha na Suíça quer ampliar produção

Produto, lançado há apenas seis semanas, tem uma demanda tão grande que já exige a ampliação do negócio. Um maço com 20 cigarros de maconha custa US$ 20 e contém 4 gramas de canabidiol (CBD), ou seja, 0,2 grama por unidade. As informações são do jornal O Sul.

Uma empresa suíça produziu o primeiro cigarro de cannabis legal no mundo e registrou um sucesso relâmpago. O produto, lançado há apenas seis semanas, tem uma demanda tão grande que já exige a ampliação do negócio. “Começamos operando com máquinas velhas para tabaco, mas já encomendamos equipamento novo que chega em outubro ou novembro e poderemos produzir até dez vezes mais”, disse o presidente da companhia, Roger Koch.

A legislação europeia segue o direito internacional que interdita o consumo de drogas narcóticas, embora os países possam escolher se devem ou não sancionar seu uso. A descriminalização significa que o uso ou a posse de cannabis não é uma ofensa criminal, mas a produção e a comercialização continuam proibidas, como na Holanda.

A maconha é composta sobretudo por dois tipos de canabinóides: o tetrahidrocanabinol (THC), responsável pelos efeitos psicoativos e neurotóxicos, e o canabidiol (CBD), que teria possibilidades terapêuticas e mesmo efeitos protetores contra os danos do THC.

Na Suíça, produtos com menos de 1% de THC não são ilegais. E foi na evolução do consumo do canabidiol (CBD), com efeitos relaxantes, que Koch, um ex-professor, apostou, começando a produzir em uma pequena fábrica no vilarejo de Steinach, perto de Zurique.

Seu cigarro Heimat (pátria, em alemão) tem a semelhança de qualquer outro. A diferença é o odor de maconha. O produto é composto de uma mistura de tabaco 100% suíço e de canabidiol (CBD) local ou importado dos EUA e Canadá. Um pacote de 20 cigarros contém 4 gramas de canabidiol (CBD) ou 0,2 grama por cigarro. O preço do pacote é de US$ 20, o que está longe de desestimular o consumidor. A venda só é autorizada para maiores de 18 anos.

A grande rede de supermercados suíça Coop passou a vender o cigarro, ao lado de outros produtos de cannabis como chá, cerveja e óleos. Seu estoque acabou em poucos dias. Koch conta que produz atualmente 12 mil pacotes por semana, mas a demanda é quatro a cinco vezes superior desde os primeiros dias. A margem de lucro é ligeiramente maior que a do cigarro comum, segundo ele, que evita mencionar cifras.

O fabricante suíço adverte em seu site que “os cigarros não devem ser usados no exterior, pois isso pode resultar em processo por causa das diferenças entre os dois limites de THC admissíveis em outros países”. A Suíça permite que apenas as pessoas maiores de 18 anos comprem o produto – desde que apresentem um documento comprovando a idade. O diretor de marketing do Heimat justificou o preço de venda do maço de cigarro de maconha. “Este cigarro é mais caro porque a cannabis custa muito mais do que o tabaco. Por essa perspectiva, nossos cigarros são vendidos a um preço baixo.”

Cidade

A American Green, uma fabricante de produtos de cannabis nos EUA, está dando um passo incomum para atrair novos clientes e aproveitar a legalização da maconha na Califórnia: a empresa está comprando uma cidade inteira.

A companhia adquiriu o povoado de Nipton, na Califórnia, por cerca de US$ 5 milhões e planeja investir até US$ 2,5 milhões nos próximos 18 meses para criar um destino turístico afim com a maconha. A compra inclui 48 hectares de terra, com uma loja geral, um hotel, um prédio escolar e termas minerais.

A American Green, com sede em Tempe, Arizona, vai usar as estruturas existentes e construir outras — equipadas com energia de fontes renováveis — para revitalizar a cidade, disse o gerente do projeto, Stephen Shearin. Idealmente, a iniciativa será imitada por outros, disse ele.

“Mostrar que existe um modo viável de ter um município afim com a cannabis e, além disso, independente em termos de energia, pode ser uma maneira de realmente inspirar as pessoas a dizer: ‘Por que não podemos fazer isso aqui?’”, disse ele.

lazy placeholder Fabricante de cigarro de maconha na Suíça quer ampliar produção

Sobre Smoke Buddies

O Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. http://www.smokebuddies.com.br