Expoweed 2018: Santiago abriga o maior evento de maconha da América Latina

expoweed chile Expoweed 2018: Santiago abriga o maior evento de maconha da América Latina

Mais de 100 estandes estarão disponíveis na sétima edição da Expoweed no Chile. Evento acontece de sexta-feira (30) até domingo, 2 de dezembro.

Há sete anos se realizava, no Chile, a 1ª versão da Expoweed, através do chamado “Picnic pela Descriminalização”, no parque O’Higgins. Uma convocação que reuniu milhares de pessoas, ano após ano, mantendo entre o final do mês de novembro e começo de dezembro por três dias a maior feira sobre cannabis da América Latina.

Este ano, chegando à sua 7ª edição, a partir desta sexta-feira (30) até domingo, dia 2 de dezembro, os mais de 20 mil visitantes esperados percorrerão mais de 100 estandes de grandes empresas da indústria da cannabis e do cânhamo, além de cultivadores, microempresários, especialistas das áreas da cosmética e saúde e, claro, milhares de usuários do mundo todo que terão à disposição informação e produtos relacionados ao cultivo e consumo de maconha.

A Expoweed Chile é considerada a maior feira canábica da América Latina e a pioneira nas últimas novidades da indústria da planta e avanços na área da cannabis para fins terapêuticos. Além disso, o evento contará com atrações culturais locais.

“Nesta versão do evento traremos as novas tecnologias e aplicações da cannabis, além de palestras com expositores e oficinas a Expoweed contará com um censo da cannabis que recolherá estatísticas reais dos usuários de maconha”, conta a produtora do evento Carol Cubillos ao Publimetro.ch.

A Expo busca integrar também uma consciência de consumo responsável de maconha, por isso contará com diversas palestras e debates sobre a precaução e redução de riscos do consumo de maconha por adolescentes, informação sobre as principais strains e usos da planta, além de muita cultura canábica e entre outras coisas.

“A intenção do evento é educar a pessoa que consome maconha. Há muita desinformação no Chile a respeito da substância”, conta Cubillos. “As pessoas não apoiam este tipo de evento, mas é um evento cultural que, além da festa e shows de música que é oferecido, há também a conscientização das pessoas sobre a prevenção e uso medicinal da planta para quem realmente necessita”, completa Carol, organizadora do evento.

Leia também: Santiago do Chile recebe a sexta edição da Expoweed

#PraCegoVer: fotografia (capa) de uma inflorescência de maconha, em primeiro plano e no centro da foto, cobrindo o rosto da pessoa que a segura e no segundo plano, desfocado, pode-se ver uma parede toda grafitada com desenhos diversos, entre eles uma grande televisão tela fina numa parede com tijolos aparente. No chão, um ventilador e alguns bancos e cadeiras, e à direita uma mesa com tampo redondo e parte do corpo de uma pessoa, braço e perna, em pé e vestindo uma camiseta de cor preta. Créditos da foto: divulgação.

lazy placeholder Expoweed 2018: Santiago abriga o maior evento de maconha da América Latina

Sobre Dave Coutinho

Carioca, Maconheiro, Ativista na Luta pela Legalização da Maconha e outras causas. CEO "faz-tudo" e Co-fundador da Smoke Buddies, um projeto que começou em 2011 e para o qual, desde então, tenho me dedicado exclusivamente.